Segunda-feira, 21 de Maio de 2007

6-0 no Set decisivo!!

"Hã!?", "O quê?","Tás a falar de quê?" poderiam perguntar alguns seguidores menos atentos do que se passa pelo mundo do ténis...Ao que eu respondo: "O Federer deu 6-0 ao Nadal no último Set da final de Hamburgo, é a isso que me refiro"
Mas....mas!....(reagem os detractores de Federer que ao longo das últimas semanas não prognosticaram outra coisa senão a travessia do deserto para o #1 do mundo)
Ah pois é cambada! O RF zangou-se no inicio do 2º set e foi quanto bastou para levar de seguida esse set, que se não me engano ficou em 6-2. Isto depois de perder o 1º set para o Rafa.
Já o ano passado tinhamos assistido a uma final de Roland Garros em que o Rogério não se zangou e quanto a mim isso foi decisivo para o desfecho do encontro. Na altura apeteceu-me chegar ao pé do RF e perguntar-lhe olhando-o olhos nos olhos: "Porra! Mas que merda é esta!? Acabaste de dar 6-1 ao puto no 1ºset e agora deixas que ele suba por ali acima no 2º set e de devolva o resultado!! Mas tu queres ganhar esta merda ou não cum cuaralho!?"
Depos de assistir a duas finais em terra batida que estiveram perfeitamente ao alcance do RF (Monte-Carlo e sobretudo Roma em que teve 2 match points na mão!) é o que dá vontade de dizer, ou não!?
"Tens de deixar de ser bonzinho e tens de fazer o que fizeste hoje em Hamburgo e já não era sem tempo cuarago!!" disse-lhe eu hoje quando lhe telefonei a dar os parabéns.
E ao contrário do que pensa o Wilander, eu acho que os tens no sítio e hoje provaste-o bem.
Quanto a borrar as cuecas, eu hoje estive sempre a pensar:
"Foda-se Rogério! Já perdeste o 1º set e ainda não afinaste a porra da direita cum cuarago! Vê lá se atinas agora no 2ºset, senão tens o Wilander à perna outra vez a dizer que vais começar a precisar de usar fraldas sempre que tiveres o Nadal pela frente!!"
E não é que o moço me deve ter ouvido os pensamentos!?
De repente estávamos no inicio do 2º set e o meu amigo Rogério virou-se para os seus botões e pensou: "Olha que merda! Realmente o Wilander tem razão caralho! Tou-me para aqui a borrar todo para quê? hum!?" "Dasse! vou mas é começar a jogar como mais ninguém joga neste planeta e sair do buraco em que me encontro! Mas eu estou com medo quê afinal?"
E depois foi o que se viu: pancadas mais profundas tanto de direita como de esquerda que não deixavam o puto sair do fundo do campo (foram muito poucas as vezes que Nadal se aproximou da rede). Com confiança. Sem medos. Com agressividade. Com vontade de dar a volta ao resultado e ganhar a porra do encontro. Manteve o foco até ao fim. Ponto a ponto.

Mas antes de chegarmos a essa mudança de atitude no inicio do 2.set foi curioso observar os comentadores da TVE a constatarem quase com ar de gozo a impotência e o quase desespero de Federer em conseguir atinar com as bolas que o Nadal lhe devolvia. Quase que adivinhavam com enorme confiança o desfecho do encontro, com o Nadal a vencer claramente o encontro em 2 sets e a prosseguir o feito prodigioso de atingir a marca das 82 vitórias consecutivas em terra batida (2 anos é obra há que prestar-lhe a devida homenagem!) Mas depois o Federer resolveu lutar por um destino diferente e as expressões faciais dos inúmeros fãs espanhóis espalhados pelo belíssimo estádio em Rothenbaum diziam tudo. Tristeza e desespero porque Nadal não soube pura e simplesmente travar a vontade do seu adversário.
Federer jogou brilhantemente e não me venham cá com desculpas que o Nadal estava cansado com a meia-final do dia anterior frente ao Hewitt (com o qual ia perdendo!) até porque o Roger também teve de suar as estopinhas para vencer o Moya (que jogou magistralmente diga-se de passagem)

Agora quando chegarmos a Paris a conversa já vai ser diferente, o Nadal vai continuar claramente a ser o grande favorito à conquista do Grand-Slam de terra batida e continuará a ser o rei.....da terra batida!
E no entanto...talvez haja ali uma infíma hipótese, minúscula, mínima, mas quem sabe? Se o Federer conseguir continuar a lutar contra os seus fantasmas (é bom não esquecer o Canas e o Volandri) em terra batida....e sobretudo se tiver vontade de conquistar o único GS que lhe falta, muuuuuuuuuuuuuuuuuuita vontade!!
publicado por tennisfreak às 00:16
link do post | comentar | ver comentários (9) | favorito
|
Quinta-feira, 10 de Maio de 2007

Eu quero ir ao Estoril Open 2008

"Eu quero ir ao Estoril Open 2007" já não faz sentido porque este ano já lá apanhei uma barrigada de excelente ténis. Relativamente ao EO2007 faltam-me apenas acrescentar alguns registos em video que por lá fiz. Têm aparecido a conta-gotas, mas vão continuar a aparecer.

Resta-me esperar pela próxima edição do Estoril Open em 2008, ou então....esperar que a PT se internacionalize para além do Brasil, e que comecem a surgir Passatempos do Sapo, do género: "Passatempo - Bilhetes para o Masters de Roma", "Passatempo - vá ao Masters de  Monte Carlo com o Sapo" ou ainda "O Sapo vai estar em Wimbledon em 2008!" e já agora, já que a tendência para me esticar é grande, "Ir ao Open da Austrália em 2009!? Impensável a não ser com o SAPO!"

Bom! chega de parvoíces e contentemo-nos em assistir aos Masters e aos GS pela televisão o que já não é nada mau.
publicado por tennisfreak às 15:56
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
|

Eu quero ir ao EO2008

pesquisar

 

Dezembro 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


posts recentes

6-0 no Set decisivo!!

Eu quero ir ao Estoril Op...

arquivos

Dezembro 2007

Maio 2007

Abril 2007

tags

todas as tags

links

blogs SAPO

subscrever feeds